O Citadino Que Queria Ser SUV - Kia Picanto 1.0 T-GDI X-Line
Carros|Março 2018
O Citadino Que Queria Ser SUV - Kia Picanto 1.0 T-GDI X-Line

O citadino da Kia cresceu em dimensões e em argumentos, mas será que mais Picanto é sinónimo de melhor Picanto? a nova versão X-line pretende ser mais uma opção dentro do universo dos utilitários que “fingem” ser pequenos crossover urbanos. Mais uma boa aposta da marca coreana.

Jose Silva Paulo Calisto

Assumindo-se, sem pre-conceitos, como um “player” cada vez mais importante no mercado europeu, a Kia continua a sua ofensiva de produto. A marca coreana do grupo Hyundai reforça, neste início de 2018, a aposta no Picanto, um citadino puro-e-duro que já vaina sua terceira geração. Apesar das inegáveis semelhanças estéticas com o antecessor, o novo Picanto é, efetivamente, um carro... novo. A plataforma K (a anterior denominava-se H) cresceu em dimensões (mais 15 mm na distância entre eixos), mas baixou no peso (dependendo da versão a diferença pode chegar aos 21 kg) e aumentou a rigidez torsional em mais de 30%. Os ganhos na distância entre eixos refletem-se diretamente no aumento da capacidade da bagageira, que salta dos anteriores 200 litros para os atuais 255 litros.

ASSINATURA X-LINE

articleRead

You can read up to 3 premium stories before you subscribe to Magzter GOLD

Log in, if you are already a subscriber

GoldLogo

Get unlimited access to thousands of curated premium stories, newspapers and 5,000+ magazines

READ THE ENTIRE ISSUE

Março 2018